História

Minha foto

A empresa CORE ESPORTES tem como objetivo principal auxiliar nossos clientes a atingirem suas metas de desempenho físico e melhor qualidade de vida; com trabalho baseado em conhecimento científico e experiência na prática do desporto; é a ciência aplicada a prática

Nos baseamos em métodos científicos comprovados, planilhas personalizadas e um constante contato entre professor e aluno, assim temos alcançado ótimos resultados em provas de Triathlon (Sprint a IronMan), Corrida (5Km a Maratona), Natação e Ciclismo ou, mesmo, na busca por melhor qualidade de vida.

Venha experimentar nosso método inovador e saber o porque de nossos excelentes resultados.

quinta-feira, 17 de novembro de 2011

MUNDIAL DE LONGA DISTÂNCIA DA ITU !

Quer fazer uma prova em um lugar diferente! Vá a Henderson -EUA, cidade vizinha a Las Vegas, local do Mundial de Longa Distância deste ano, 4Km de natação / 120Km de pedal e 30Km de corrida, com MUITAS subidas.



A natação se dá no Lake Las Vegas, o pedal dentro do Parque Nacional Local e em seus arredores, com muitas subidas e paisagens que por momentos lhe fazem "relaxar fazendo força". A corrida é realizada em área urbana, fechada ao trânsito de veículos; tudo com muita estrura organizacional, boa sinalização e diversos pontos de abastecimento bem distribuídos ao longo do pedal e corrida.
O clima no mês de novembro está começando a esfriar, então muito provavelmente a natação será com roupa de borracha; este ano cancelaram a natação pois dentro da água estava a 13 C e fora a 6 C !



Quanto a cidade, tanto em Henderson, quanto em Las Vegas,os pontos de interesse como hotel, atrações turísticas, local da prova NÃO estão concentrados em uma área pequena, então facilitará muito o aluguel de um carro. No quesito hospedagem, os hotéis, via de regra, têm preços convidativos; quanto a alimentação come-se bem com cerca de U$ 10,00 por refeição, dependendo do lugar até menos.
Quanto as compras têm diversos Outlets com as mais variadas lojas...vale a pena conferir!

Como o Mundial de Longa Distância da ITU não é necessariamente lá, caso resolva fazer uma prova na região, que tal um Ironman (vídeo acima)!

Boa Prova!
Bons Passeios!



ENJOY THE LIFE !!!

quinta-feira, 29 de setembro de 2011

Mundial de Longa Distância

Viver é enfrentar desafios.Quem nunca enfrentou desafios, apenas passou pela vida, não viveu.
Augusto Branco

terça-feira, 2 de agosto de 2011

MILITAR Triatleta X TRIATLETA Militar



Em 18 Fevereiro de 2012, completo 21 anos de minha incorporação ao Exército Brasilero, que se deu através de concurso, vestibular, e após a aprovação o sonhado ingresso na Escola Preparatória de Cadetes do Exército, em Campinas, única porta de entrada para a Academia Militar das Agulhas Negras - Berço de Formação do Oficial Combatente de Nosso Exército.
Cinco anos de formação em regime de internato, com liberação nos fins de semana em que não estavamos de serviço ou empenhados em outras atividades, faziamos avaliações (provas) invariavelmente toda semana, calculo 1, calculo 2, e para quem ficasse de segunda época calculo 3 perdendo neste caso um mês de férias,o mesmo para a cadeira de física (física 1, física 2, física 3), topografia, redação e estilística, idiomas, geometria descritiva, filosofia, direito, história militar, pscicologia, e mais as inúmeras matérias inerentes ao ensino militar, no meu caso Engenharia! Detalhe, o ato de colar representa expulsão sumária! Portanto ou você estuda ou reprova e neste caso é desligado - RUA !
Somado a carga de aulas, estudos e provas; a pressão exercida sobre o Cadete, para que este aprenda a menter o equilíbrio emocional nas diversas circunstâncias e desde cedo seja responsável pelos seus atos! Então alguns dizem, educação vem de casa, ao que concordo, mas reeducação de hábitos dá-se no dia a dia, desde que haja disposição; e nesta casa ou você se enquadra ou é expurgado, como aconteceu com muitos!
Somados todos os períodos, tínhamos em média dois meses de treinamentos de campanha no ano, também conhecido como acampamento; isto representava fome, frio, muito sono; por vezes era 1 hora de sono por noite; e acima de tudo a vontade de superação e cumprimento da missão!!!
Dentro de tudo isto arrumavamos tempo para a parte física, seja no Treinamento Físico Militar que se dava de forma coletiva ou no caso dos atletas o treinamento dentro das equipes esportivas, no meu caso natação.
E quando você sai da AMAN, acabou? Pelo contrário, a responsabilidade aumenta e a carga de trabalho também!
Então ser militar de fato não é simplesmente vestir uma farda e prestar continência; mas sim incorporar valores e labutar por uma causa! O sálario me é de suma importância; mas aos 16 anos de idade quando entrei para a Força não tinha esta ambição, vivia a busca de um ideal.
Para conseguir ser atleta da seleção militar de triathlon, foram inúmeros treinos na madrugada e noite, e tantos finais de semana empenhados exclusivamente em treinos que nem seria capaz de contar; vida social ZERO....depois de casado e com filhos, o prejuízo não era somente meu, mas compartilhado com meus filhos e esposa.
Arrependimento; pelo contrário; tenho imensa gratidão pelas oportunidades que tive de treinar e competir no Alto Rendimento. Tenho ciência do meu lugar, não sou nenhum campeão olímpico, mas um oficial do Exército que com muito sacrifício participou no alto rendimento de importantes provas, e que teve conquistas que sequer sonhava!
Portanto como MILITAR Triatleta; me sinto representante dos inúmeros amigos Militares atletas que ajudaram a construir o triathlon dentro das Forças Armadas!

BRASIL !!!

terça-feira, 19 de julho de 2011

JOGOS MUNDIAIS MILITARES - RIO 2011

JOGOS MUNDIAIS MILITARES !!!

Abertura realizada no sábado 16 de Julho de 2011. Vejam as imagens (no link abaixo) ... Vale a pena!

Abertura com 26.000 expectadores no Estádio, 6.000 atletas, 2.000 dirigentes !

Acompanhe as competições ao vivo na ESPN Brasil, na TV Brasil e especialmente no link: http://www.rio2011.mil.br/vide​os/aovivo/site/index.php?p=aov​ivo&Itemid=687
video

segunda-feira, 28 de março de 2011

Brasileiro de Longa Distância - Fortaleza/CE




No dia 26 de Março aconteceu na Praia do Cumbuco, no município de Caucaia (vizinho de Fortaleza) o Campeonato Brasileiro de Triathlon de Longa Distância (3Km de natação, 80Km de ciclismo e 20Km de corrida). O lugar é considerada a capital mundial do kite surf devido ao vento e condições do mar, é um litoral muito bonito. Estar de carro facilita a locomoção para as refeições, congresso técnico, local da prova; pois estas facilidades não estão concentradas no mesmo lugar.
A largada estava prevista para ás 06:30hs mas devido ao atraso de alguns atletas, o início da prova atrasou cerca de 20 minutos. A natação foi na Lagoa do Banana, com a água em torno dos 28 graus.
Fiz uma natação conservadora, se arriscasse acredito que poderia ter nadado 1'30" a 1' mais rápido, mas preferi ser conservador, pois sabia que o calor seria o "divisor de águas". Terminada a natação, têm-se uma transição de cerca de 200M e vamos pedalar.
O ciclismo acontece em 4 voltas em uma rodovia de pista única, mão dupla, com acostamento, e com o asfalto em boas condições, salvo pequenos buracos.O trânsito é controlado, mas a medida que aproxima-se do meio da manhã o fluxo de veículos aumenta, ficando um pouco perigoso.
Via de regra há vento diagonal que neste dia estava em torno de 15 Km/h , chega a incomodar; no entanto daria para ter usado roda fechada, pois não presenciei fortes rajadas. Quanto a altimetria o percurso é praticamente plano, salvo leves e pequenas subidas. A hidratação no ciclismo acontece a cada 9Km (aproximadamente) onde é dado água gelada na caramanhola, banana e rapadura.
A corrida também é realizada em percurso plano, com apenas uma leve subida de cerca de 200M, a hidratação dá-se a cada 1250M aproximadamente, com água, isotônico, coca e rapadura; aliás este é o ponto forte da prova, o cuidado que a organização do evento tem com a hidratação dos atletas.
Este foi o segundo lugar mais quente em que corri (primeiro - Huatulco no México), a temperatura superou os 35 graus na sombra (fácil) e a humidade relativa do ar fica acima de 80% ; nem tente andar descalço no asfalto...Daí o esmero que a FETRIECE, teve com a hidratação, este foi o ponto alto da prova.
Terminei na segunda colocação, em primeiro ficou o Manocchio que fez uma excelente prova, estando na terceira colocação o Paraense Ricardo Ramirez que fez uma corrida de recuperação.
Os resultados podem ser acessados no link http://www.cbtri.org.br/resultados.asp



WWW.COREBIKE.COM.BR

terça-feira, 15 de março de 2011

Técnicas de Corrida e a Importância do Alongamento!

sábado, 5 de março de 2011

RECUPERAÇÃO NAS PROVAS LONGAS



Em provas de endurance, como o IronMan, a recuperação pós-prova cresce de importância, afim de que o atleta esteja apto no mais curto prazo possível, para retomar sua rotina de treinos.
Visando aprender mais sobre o tema e poder compartilhar com os amigos, fiz algumas pesquisas e abaixo posto algumas observações que podem ser úteis.
Uma pesquisa realizada com 42 atletas, demonstrou que a inflamação sistêmica causada pela prova decai rapidamente nos 5 dias subsequentes, estando quase que inexistente no 19º dia pós-prova. Esta mesma coleta de dados serviu para avaliar a persistência do estresse oxidativo, que tende a diminuir com o treinamento, ou seja indivíduos mais treinados estão mais aptos a combater os radicais livres. Tanto que no 5 dia pós IronMan estes marcadores de estresse oxidativo haviam retornado aos valores pré-prova.
Em ambos os casos houve alta correlação positiva entre o nível de preparação física dos indivíduos e sua rápida recuperção. Ou seja, indivíduos bem treinados têm mecanismos mais eficientes para combater a inflamação sistêmica e o estresse oxidativo causados pelo exercício; pode-se dizer que são mais eficientes na recuperação pós exercício; isto não significa que logo após uma prova de endurance como o IronMan, indivíduos bem treinados estejam em condições de retornar a rotina normal de treinos; o organismo precisará de treinos regenerativos, repouso e boa alimentação, afim de ser capaz de recuperar a homeostase!
Quantas semanas fazem-se necessárias para este reequilíbrio orgânico? Para responder tal questão o ideal seria que o atleta tivesse acesso a marcadores bioquímicos analisados por especialistas no assunto; o que não é realidade para a maioria!
Então segue algumas dicas que podem ajudar:
1) Ingerir, em no máximo 30 minutos pós prova, uma bebida balanceada com proteínas (que contenha whey protein isolado, por exemplo), sais minerais e açucares(isotônicos, por exemplo)! Como a imunidade irá "despencar" , doses de glutamina (5g a 15g/dia por uma semana) e de antioxidantes (Vitaminas C ; E ; Betacaroteno; Flavonóides; Selênio; Zinco; Licopeno;Cobre;Compostos fenólicos) nos dias subsequentes também ajudarão na recuperação. Não esquecendo da hidratação e alimentação balanceada!
2) O sono é uma boa ferramenta na recuperação,se possível 8 horas; além da liberação do hormônio do crescimento que dará auxílio a regeneração orgânica (em especial a do tecido muscular), o sono relaciona-se com outros hormônios como o Hormônio adrenocorticotrópico (ACTH), Cortisol, Aldosterona, Testosterona, Hormônios Gonadotrópicos, Progesterona,Prolactina,Hormônio Tiroestimulante(TSH).
3) Manter o treinamento com foco na regeneração, sem marcação de tempo ou frequência cardíaca e com percursos diversos do que geralmente adota. Nos 4 dias subsequentes evite correr (impacto), de preferência a natação e ciclismo, tudo muito leve!
4) Participar sem compromisso de resultado de uma prova curta de uma modalidade, natação, ciclismo ou corrida, um mês pós IronMan, isto deve te manter estimulado, desde que não se cobre quanto ao resultado!
5) Na quarta semana pós IronMan será o momento de aumentar um pouco o volume e rítmo e ver como se sente. Exemplo 1h e 30min de bike no limiar 1 (L1)(esforço médio) com 20 a 30min de corrida em L1 (rítmo de uma meia maratona), então após dois a três dias de treinos leves deve estar em condições de encarar outro treino como este! Se isto ocorrer, perfeito...provavelmente estará no caminho certo!
O exposto acima são linhas gerais que podem variar de um atleta para outro; sendo o técnico, experiente no trabalho com seu atleta um bom calibrador, juntamente com o próprio atleta!

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

Broadbent S., Seasonal changes in haematology, lymphocyte transferrin receptors and intracellular iron in Ironman triathletes and untrained men. Eur J Appl Physiol. 2011 Jan;111(1):93-100. Epub 2010 Sep 7.

Neubauer O. et al., No indications of persistent oxidative stress in response to an ironman triathlon. Med Sci Sports Exerc. 2008 Dec;40(12):2119-28.

Neubauer O. et al., Recovery after an Ironman triathlon: sustained inflammatory responses and muscular stress. Eur J Appl Physiol. 2008 Oct;104(3):417-26. Epub 2008 Jun 12.

Pinho RA. et. al.,Oxidative stress and inflammatory parameters after an Ironman race.Clin J Sport Med. 2010 Jul;20(4):306-11.

Schneider et al., Efeito do exercício de ultra resistência sobre parâmetros de estresse oxidativo. Rev Bras Med Esporte vol.15 no.2 Niterói Mar./Apr. 2009

Suzuki, K., J. Peake, K. Nosaka, M. Okuttsu, C.R. Abbiss, R. Surriano, D. Bishop, M.J. Quod, H. Lee, D.T. Martin, and P.B. Laursen. “Changes in markers of muscle damage, inflammation and HSP70 after an Ironman triathlon race.” European Journal of Applied Physiology. 98 (2006): 525-534.

http://www.sandyhookers.org/ironman/ironman-recovery.htm

WWW.COREBIKE.COM.BR

sábado, 22 de janeiro de 2011

Ironman Cozumel 2010

Ironman Cozumel - 2010